Parei de tomar anticoncepcional e não menstruei!

Parei de tomar anticoncepcional e não menstruei! E agora? Essa é uma pergunta que muitas mulheres fazem e por não terem uma resposta apropriada vão ficando ainda mais angustiadas e temerosas, acreditando numa possível gravidez precoce e indesejada e outras mil coisas que inundam suas mentes. O que pode existir por trás desse evento inesperado?

Fato é que muitas mulheres tomam por anos a fio determinados tipos de anticoncepcionais e quando interrompem o tratamento, seja por orientação médica ou mesmo por vontade própria, a menstruação que deveria descer e normalizar sequer aparece. Mas o que isso pode ser? Será que é perigoso? Será que estou grávida? Essas são algumas dúvidas corriqueiras!

Interessou? Continue lendo o artigo na íntegra e conheça agora todos os principais detalhes desse tema tão interessante!

parei de tomar anticoncepcional nao menstruei

Parei de tomar anticoncepcional e não menstruei, estou grávida?

Essa, sem dúvida alguma, é a principal questão que passa principalmente das moças mais novas e que temem uma gravidez precoce, que pode atrapalhar seus estudos e sua vida familiar como um todo. No entanto, especialmente quando um mesmo tipo de anticoncepcional é utilizado durante muito tempo e descontinuado abruptamente (normalmente sem o acompanhamento de um médico), a menstruação poderá não descer por várias questões orgânicas normais, sem qualquer relação com uma gravidez.

Parei de tomar anticoncepcional e não menstruei, estou doente?

Como mencionamos acima, existem várias questões orgânicas naturais, especialmente quando estamos a tomar determinados medicamentos, que podem gerar o efeito de atraso menstrual. Contudo, se a dúvida persistir, até porque de fato pode ser algo mais importante de ser investigado então consulte assim que possível o seu ginecologista!

Você estava a fazer uso de anticoncepcional injetável?

Se você de fato estava fazendo uso de anticoncepcional injetável, então é bem provável que a interrupção das vacinas é que tenham causado o descontrole da menstruação, uma vez que estão sendo relatados muitos casos de mulheres com esse tipo de problema através desse método.

Se esse foi o seu caso normalmente não há problemas, pois passado algum tempo as injeções perdem completamente o efeito no organismo e a menstruação assim como a fertilidade voltam ao normal. Mais lenta ou mais rápida dependendo também do metabolismo da mulher. Mais especificamente falando, o que ocorre é a chamada atrofia do endométrio, causando assim a amenorreia (ausência de menstruação).

Quanto tempo demora para o efeito do anticoncepcional injetável desaparecer?

Se você vivencia a situação descrita acima, ou seja, parou de utilizar a medicação injetável e sua menstruação simplesmente não vem, saiba que essa espera pela regularização do ciclo pode ser demorada, pois em algumas mulheres esse tempo pode chegar até a oito meses sem qualquer sinal de menstruação.

O que fazer nesse período?

Um aspecto que não poderia ficar de fora desse artigo, que trata de um assunto tão sério, é a questão do que fazer nesse período de tantas dúvidas e conflitos pessoais e emocionais.

Por via das dúvidas, até para não piorar uma situação que já está indefinida, até que o tempo possa de fato mostrar o que está por trás dessa interrupção menstrual, não pare com os métodos contraceptivos físicos, especialmente no caso do preservativo! Não tenha relações sexuais sem essa proteção de forma alguma.

Outra ação fundamental é compreender todas essas possibilidades aqui levantadas, reunir todas essas informações e buscar assim que possível a orientação de um médico ginecologista, pois somente ele poderá fazer um estudo mais aprofundado, inclusive com exames de laboratório, que poderão precisar o que de fato ocorreu, qual a melhor medicação a ser tomada (se é que prescreva algum) e qual método contraceptivo será adotado.

Relato de quem viveu o problema

Para ilustrar melhor essa situação, optamos por trazer um depoimento verídico de uma mulher que usou durante muito tempo anticoncepcional injetável trimestral e teve problemas, vejamos:

“Fiz uso de duas injeções trimestrais do medicamento X, como ele simplesmente desapareceu do mercado, o médico que estava a me orientar indicou a injeção mensal de outro medicamento o Y.

Utilizei então o medicamento Y bem no dia em que deveria aplicar a injeção trimestral e no mês seguinte apliquei novamente a injeção mensal. Após quatro semanas saiu uma borra marrom, que durou por volta de uns três dias. Depois disso simplesmente não tomei mais qualquer injeção anticoncepcional, pois queria observar se a menstruação vinha ou não. Dias se passaram e até o momento ela não veio.

O que pode estar acontecendo comigo? Por que minha menstruação ficou tão irregular? O que devo fazer pno sentido de regularizar o meu ciclo menstrual?

A resposta dada por um especialista para tal depoimento foi exatamente aquilo que mencionamos logo no princípio desse artigo, ou seja, que a irregularidade menstrual pode sim ter sido causada pela medicação injetável.

Links úteis:

Considerações finais

Muitas mulheres vem relatando esse tipo de sintoma, e por isso, como as variantes são enormes, aconselhamos o acompanhamento de um médico ginecologista, para determinar todas essas situações e escolher o melhor caminho a ser seguido com segurança e cautela, afinal é um assunto de fato muito importante e que precisa ser tratado com muita seriedade.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votes, average: 4,00 out of 5)
Loading...
Leave a comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *