Chá de hibisco causa infertilidade?

Será que o chá de hibisco causa infertilidade mesmo? Essa é uma das perguntas que muitas mulheres fazes quando pensam tomar ou estão tomando o chá de hibisco. Porém, existe uma pesquisa feita pela Guru Jambheshwar Universidade de Ciência e Tecnologia, da Índia, que apontam várias coisas a esse respeito deste chá.

O chá de hibisco é muito conhecido principalmente no mundo feminino devido ao seu poder de emagrecimento be poderoso, seu sabor, entre outras. Mas no que diz respeito a esta bebida, devemos tomar ela moderadamente, pois em demasia poderá mexer com hormônios femininos provocando interferências com a fertilidade feminina.

cha de hibisco deixa mulher infertilidade

De acordo com a Guru Jambheshwar na Índia, o chá de hibisco pode mexer com a fertilidade de uma mulher. Eles fizeram o estudo com o hibisco recolhido na China. e a base do estudo foi feito a partir de 500g da planta.

O resultado diz que um consumo diário de chá de hibisco mexe com os níveis de hormônio de estrogênio que por si inibe a ovulação nas mulheres podendo criar uma infertilidade transitória.

De facto, o chá é bem poderoso para emagrecimento mas o seu consumo diário e principalmente em exagero faz com que seus hormônios sejam prejudicados. Também foi comprovado neste estudo que, mulheres que estejam passado por TPM ou outras situações similares, os sintomas podem piorar para quem toma regularmente o chá de hibisco.

Se está com problemas em engravidar ou está pensando em ter um bebe, o melhor que pode fazer é simplesmente parar a toma do chá de hibisco, pois poderá estar envolvido com a sua infertilidade.

Caso você ache que algo não está bem com sua saúde convém contactar o seu médico de família. Esperamos que tenha tirado sua dúvida a respeito do chá de hibisco e infertilidade. Em caso de mais alguma dúvida deixe seu comentário ou nos envie um email.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *